Open/Close Menu A Diocese de Viseu é uma circunscrição eclesiástica da Igreja Católica em Portugal

O padre Tolentino Mendonça, vice-reitor da Universidade Católica Portuguesa (UCP), disse no Funchal que é preciso reconhecer o contributo dos emigrantes no “campo da cultura” para um “melhor conhecimento” da identidade insular.
O sacerdote e poeta madeirense falava à margem do Fórum Madeira Global, que decorreu entre segunda e terça-feira, onde foi orador convidado para a sessão de abertura.
Citado pelo jornal diocesano online, ‘Jornal da Madeira’, o padre Tolentino Mendonça lembrou que a emigração no arquipélago já tem muitos séculos, e “continua no presente”, com um olhar que ajuda a população a conhecer-se melhor.
“É impossível falar da nossa história sem falar da contribuição dos emigrantes, mas do ponto de vista cultural, porque interessa a recriação, a efabulação, o mito, como testemunham os romanceiros orais” e os escritos dos “estrangeiros”, precisou.
Para o vice-reitor da Universidade Católica portuguesa, torna-se “fundamental a criação de um centro de interpretação” para os contributos das comunidades emigrantes no campo da cultura, à semelhança do que já acontece na América Latina.
G.I./Ecclesia:OC

© 2016 Diocese de Viseu. Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento: scpdpi.com

Siga-nos: